Enfim Montada Novamente

Boa tarde visitantes!

Recebi alguns comentários aqui sobre minha falta de atualização sobre a DR.

Algumas pessoas sabem do acontecido os primeiros km do motor novo meu não foram como planejado… faltou oleo na parte de cima do motor, e lá se foi meu comando, balancins e cabeçote.

Bom desmontei a moto toda novamente, graças a Deus consegui convencer uma boa alma de Goiás, para desmontar a DR dele e me me vender o cabeçote que eu precisava,… realmente zerado, ( lá se vão mais R$600 reais )

Sendo assim comprei um cabeçote, jogo de juntas novos, balancins eu já tinha um par reserva em excelentes condições, o comando veio também em excelente estado.

Pra não ter dúvidas que a moto fumaria por causa de aneis ovalizados ( mesmo com menos de 80km rodados) talvez sem precisar importei um jogo de anéis 96mm novos da Wiseco.

Desta vez levei no expert das DR do Grupo, que mesmo sem ser mecânico profissional resolveu me ajudar a conferir a montagem do meu motor todo e monta-lo novamente.

Foi inspecionado TUDO e conferido com o manual, trocado porcas e parafusos que ele julgou necessários, inclusive achamos alguns erros de montagem do ultimo mecânico ( um espaçador faltando na engrenagem do motor de arranque)

Note na foto, creio que na oficina do Zé tenha no mínimo 5 motores de DR, fora a DR800 que estaria chegando na segunda-feira para uma geral.

Em breve colocarei mais fotos dela, e assim que fizer a primeira viagem colocarei mais fotos e detalhes!

Barulho, Campana da embreagem batendo.

Tarde senhores!

Este post serve donos de DR desse mundão, mas não só pra eles, essa M de barulho da folga da campana acontece com muitas motos.

Geralmente a folga é minima, e não atrapalha em nada o funcionamento do motor, só mesmo o barulho na lenta que parece uma ducati (  ou uma caixa de prego moendo la dentro kkkk ) .

Procurando na internet você acha os videos do motivo e esta foi a melhor sugestão para resolver tal folga. ( aquela de só apertar na prensa os rebites entre outras soluções eu achei bem duvidosas).

 

 

Se você assitiu os videos mesmo sem entender inglês pode ver que a folga acontece por  causa das borrachas que de tanto serem aquecidas e resfriadas perdem as suas propriedades e não absorvem mais os impactos projetados.

 

Esta é a nossa campana sem a tampa, depois de retirado os 6 rebites de aço.

 

O que precisa ser feito é a troca das borrachas, veja o cilindro de plastipreme que será utilizado

Com auxílio de um torneiro foi cortado o plastipreme na medida exata dos furos da campana.

O maior problema é que diferente do video acima, não existem estas peças para serem compradas e substituidas no caso da DR, e as peças possuem internamente um desenho especifico, não é tão simples realizar esta substituição sem as ferramentas certas em mãos.

outro problema encontrado foi a ausência dos rebites de aço para substituir os originais no mercado nacional, o que nos levou a fazer rosca na campana e trava-la com ajuda de trava-rosca alto torque e parafusos de aço Allen,

O resultado foi impressionante, e o capricho nota 11 como diria meu avô kkk

Caso alguém queira resolver este problema com a sua DR, me envei um e-mail ou use o campo dos comentários abaixo que eu passo o contato da pessoa que fez este trabalho, também dono de uma DR RSE, da cidade de Joinville-SC.

Abraço a todos, e vamos que vamos que se Deu quiser em 1 mês minha nega véia vai estar saindo em direção as cordilheiras!

 

Primeira acelerada + Supresas!

Hoje estou mais feliz que gordo de pijama novo e microondas no quarto!!

Chegou o dia de ligar a bruta véia!

EEEEEeee essa fumacinha branca do “desvirgenamento” esse foi esperado viu ! kk

 

Mas como sempre depois de uma notícia boa tem uma ruim, somente duas coisas eu nao troquei e revisei na moto o motor de arranque e as buchas e amortecedor traseiro pois visualmente está em excelentes condições.

O Motor de arranque eu iria mesmo desmontar antes de viajar,.. mas faria depois de colocar a moto pra rodar.. mas com a compressão da single 660cc ( 650 over ),.. o bichinho espanou…

Induzido zoado,.. escovinhas quase zeradas,.. e a bucha ferrada…

Lá se vai mais R$450 Temmers em exercício…

Ta quase,.. e ainda claro tem coisa pra fazer ( vide escape enferrujado que vai ser lixado  e pintado kkk )

whatsapp-image-2016-09-19-at-16-33-40

whatsapp-image-2016-09-19-at-16-33-40-2

whatsapp-image-2016-09-19-at-16-33-40-1

Montando tudo! – Parte 04

É depois de exatamente 1 ano, chegou a hora de começar a montar a bruta véia..

0ad7ab42-a8b5-477d-a3d6-683ad420d12d

a2d00051-937e-44b9-95c3-a966cecdc568

188641bb-520d-42df-9588-a09c26f39a8c

O Motor tá ZERO, e quando eu digo ZERO, é ZERO MESMO, praticamente a única coisa que não troquei foram as engrenagens de marchas até porque é impossivel achar novas, e as minhas estavam em excelentes condições.
Corrente do balanceiro, corrente de comando, todos os rolamentos, todos os retentores, pistão, anéis, biela, velas, estator, embreagens, separadores, juntas, reparos do carburador, molas da embreagem, troca de oleo de suspensão, guarda pós, retentores, rolamentos das rodas, das mesas tudo ZERO!!

1151img-20160813-wa0003

1154img-20160813-wa0006

Tem muita coisa ainda que quero fazer com calma,.. como retirar todos os parafusos e mandar zincar,.. pintar escapamento roda, bengala, balança e mesas… mas por enquanto quero por ela pra rodar.. ainda tenho que morrer numa relação nova, e em um par de pneus,.. fora a documentação que tá atrasada…

Vamos que vamos agora falta pouco,.. pro que ela já foi… tá filé demais!

Problemas com separadores e discos de embreagem

Há relatos de várias pessoas que tem problemas com os discos das DR, sejam elas RE (Pré) ou SE (Pós 1996);

O cód. da peça adquirida, é certo, igual ao do catálogo ou o fabricante não original diz que ela é compatível com a sua moto/ano, só que as peças são mais grossas do que os separadores antigos originais, e não é possível montar o jogo de fricção e separadores, ou ele é montado e não funciona como o esperado;

Ns modelos até 1993 todos os separadores (Driven Plate) são iguais:

  • 6 PLATE, DRIVEN (T:1.4) – 1,4 se refere à espessura em milímetros.

No modelo 1994 já tem separador especial junto à mola prato, aquela próxima da pista lisa de alumínio que evita a embreagem colar muito repentinamente.

Deve-se verificar que esse pequeno conjunto fica travado por um fio de aço, as peças são:

  • 5 PLATE, DRIVEN, NO.1 (T:1.4)
  • 1 PLATE, DRIVEN, NO.2 (T:2.0), mais grosso portanto.

No modelo 1996 os separadores são diferentes, e são em maior número.

  • 7 PLATE, DRIVEN,NO.1 (T:1.6), mais grosso que o 1,4 de 1994 mas mais fino que o de 2 mm (número 2).
  • 1 PLATE (117X132.5X1.20) (T:2).

Verifique qual a espessura necessária para a sua moto e procure na loja pela mesma espessura. (leve o paquímetro).

O desgaste nos separadores é mínimo e você deve encontrar a medida bem próxima da que está em uso.

Quando realizar a troca confira aferido com paquímetro, pode dar diferença de mais de 1 milimetro.

As vezes é necessário tirar aquela “arruela” para que a fricção grude de uma só vez, assim fica bom o kit de fricção nova, porém com separadores, antigos.

Essa manobra de retirar a mola prato do sistema das DR650 é muito usada como alternativa, antes de trocar todo o conjunto.

Esse sistema serve para suavizar os engates das marchas e quando o conjunto de discos atingem um limite de desgaste, se for retirada a mola (arruela) o funcionamento do conjunto volta quase que ao normal.

É preciso  ter mais cuidado nas saídas e mudanças das marchas baixas porque agora há tendência de a embreagem colar subitamente, dando trancos na transmissão.

Você precisa ter a mão mais atenta e cuidadosa nas saídas e trocas de marchas baixas, principalmente da primeira para a segunda.

Cuide com o  o torque que esse motorzão tem!

Surpresa! Estator – Parte 03

Estava eu todo feliz com os rolamentos, tensor, guia da corrente do balanceiro, retentores de válvulas e retentores da embreagem e do pinhão em mãos (Atualizei a lista de compatibilidades com as medidas dos retentores que comprei),.. pensando bem feliz.. PRONTO AGORA ACABOU, “SÓ” montar e alegria!

13479400_10154345719444828_652518694_n

9fb72bc5-223c-4460-92d2-e5f61a00906a

 

Bom como já era esperado, mais uma surpresa rs

Surpresa esta que iria passar despercebido se eu não fosse até a oficina e não tivesse visto o estator …

601a6532-5df3-4547-bce6-81f3e9cfb1e6

O bichão tá derretido… e já foi enrolado,.. ai a minha duvida era se ele tinha derretido antes de ser enrolado ou enrolado e depois derretido ( ou seja vai continuar derretendo ).

Pois então descobri que se o estator for enrolado de forma errada ele esquenta mesmo e foi isto que aconteceu ai,.. (claro que outros fatores podem ter contribuído ou causado o problema, e o que eu mais acho provável é a mistura muito pobre do motor  com o antigo carburador da Falcon, a mistura pobre aquece demais o sistema todo e o óleo que é usado para refrigerar o estator) , outros motivos como o radiador de óleo sujo ou entupido também podem ter ajudado/causado este problema…..

Independente de quem causou o estrago,.. embora o retificador estava funcionando  pra mim ele está dando sinais claros de que vai dar M…já que nem a proteção dos indutores existe mais….. e o que eu não quer é ficar na estrada seja por problemas mecânicos ou elelétricos…

Então vamos lá… bora mandar enrolar de novo esse cara,.. espero que agora seja bem feito,.. até porque se esta peça plastica for danificada mais um pouco eu to lascado pra arrumar outra pra substitui-la.

Outra coisa que andei pesquisando e conversando com próprio cara que vai enrolar o meu estator é sobre os retificadores,… mais precisamente o retificador da CB400/CB450, que muito mexanico (mecanico  de fds ou que se acham mecânicos) dizem ser praticamente universal.

Bom o cara que conversei falou pra mim que o estator da CB na minha moto era um sacrilégio, que a minha moto era uma hidroelétrica que ficava ligada sempre kk ( Não sei se realmente estava ligado assim,.. sempre armado, pois não cheguei a medir ).

Quando se liga o regulador da CB pra funcionar precisa do pós chave acionado,.. e muita gente liga ele ele em outras motos com o pós chave no positivo,.. (Chuto eu que este pós chave no positivo é para pegar a tensão de referência para o circuito retificador saber qual a tensão do sistema no momento).

O Problema e que dependendo da ligação o regulador  não estabiliza em 14.5v ( ou perto disso )  pois isto faz com que o regulador fique armado sempre, e quanto maior for o giro da sua moto, mais ele vai aumentar a tensão na bateria e no circuito elétrico todo da sua moto, podendo queimar teu CDI ( ai você tá na M, se a sua moto for antiga e com peças difíceis para reposição, como é o meu caso ).

A questão é que existe uma maneira de ligar o retificador da CB450 em que ele estabiliza em 14,5, porém segundo ele este não é o funcionamento correto dele (??? não sei porquê) e uma hora ou outra ele vai queimar, e se queimar vai deixar passar os 18v, 19v pra sua moto,.. ai você vai se arrepender de te-lo usado… a maioria das motos com CDI queimado são por isso.

Recomendo que troquem pelos originais da sua moto, ou se os originais estiverem queimados procurem quem os arrume, o regulador é pra ser um circuito elétrico muito simples, porém cada retificador funciona em uma faixa de tensão de entrada/saida x RPM,… e cada moto em uma RPM diferente, por isso é bom deixar o projeto do regulador “casado” com o do retificador.

Ou que se você use o da CB ou de outra moto verifique sempre com o multímetro a tensão na sua bateria com a moto na lenta e em alta, se a sua moto começar a falhar  “embolar”, também pode ser sobretensão no CDI, fique esperto um regulador derretido e um CDI queimado pode custar Milão fácil o “casal’  rs! ( Fora o baile e o guincho kk )

Vou investigar mais detalhes mas parece que o Original da DR acima de 5.000 RPM estabiliza… por sorte eu tenho o original dela, e vou coloca-lo depois de devidamente testado.

Confesso que fiquei curioso, não sei se realmente é tão perigoso assim usar o da CB ou se foi um drama que quem trabalha com isso fez para que eu trocasse o retificador também,.. mas fica aqui a dica…

Pra quem tiver problemas com Retificadores e Reguladores Sugiro procurarem o Carlão Reguladores (017) 99150-4605.

Abs!

Motos Carburadas x Giclê (gicleur) original você não tinha se ligado nessa!

Mikuni BST40 – Vela cor de telha x Alegria

Boa noite visitantes ( se é que existe algum) kkk,

Vou escrever neste post uma coisa que ando pesquisando e aprendendo por conta própria ou com auxilio de amigos… amigos estes que alguns nem conheço ( e viva a globalização e a tecnologia kk ).

Carburador!? Você realmente sabe o que ele faz na sua moto? e você tem ideia realmente do que é deixar ele “afinado” ?

Bom é ai que muitooo até muito mecânico malandrão se lasca todo, e as vezes (infelizmente na maioria delas) toma um troco teu e não fez PORRA NENHUMA kkkk.

Se você tem uma moto carburada,… poxa amigo não reclame desta invenção fantástica, agradeça! componentes e funcionamento mecânicos que se bem regulados vão te trazer muitaaas alegrias. ( se você tivesse uma máquina injetada, e a injeção não desse conta de fazer o serviço certo como no caso das Harleys, e você não tiver um tuner kit + dinamômetro + muitos conhecimentos , você simplesmente iria ter que andar com a mistura pobre fodendo seu motor pra sempre até ter que abrir e “tomar uma ré bem forte ” (ie tomar no @,  tomar prejuízo)).

Poxa nem sei por onde começar tem tanta  coisa que quero contar sobre este assunto que há tempos venho pesquisando e me informando.

Vou tentar organizar meus pensamentos nos tópicos abaixo, pra por ordem no Brainstorm que vem a minha mente sobre o assunto…

*OBS: Não sou mecânico, não sou engenheiro mecânico,.., não sou nada,, só sou um cara que vai atrás de informações por conta própria sobre assuntos que me interessam, tiro as minhas conclusões ( que podem ser corretas ou equivocadas) então se um dia você argumentar sobre algo que leu aqui sobre alguém com mais argumentos e provas que eu que desminta algo do eu site… cara não diga nada sobre mim, eu vou falar que não foi eu que te contei essa informação errada kkkkk brincadeiras a parte, por favor use o campo dos comentários abaixo pra me desmentir eu aceito críticas , mas seja educado se não tbm sei ser hahah

O que é carburador?

Podia entrar no Wikipedia, podia te dar termos técnicos absurdos, explicar o funcionamento completo, teoria, princípios físicos envolvidos e todos os paranaue.. mas estas informações estão na net a rodo,.. google it.

Sendo assim vou explicar sendo curto e grosso o que você realmente precisa saber.

Carb for Dummies kkk

Cara carburador é um invento de um ser mais evoluído que veio pra terra pra nos ensinar borrifar vapor de combustível pra dentro da câmara de combustão do motor, numa proporção ar/combustível que seja regulada por vossa senhoria kkk ou seja essa M “pulveriza” gasolina e ar pra dentro do seu motor pra ser queimado pelo ou pelos pistões e após a explosão te gerar energia pra você curtir um vento na cara ( se estiver de moto ).

 

O que preciso saber dele afinal?

Você precisa saber que ele tem uma boia igual a da caixa d’agua da sua casa, que vai fazer uma reserva de gasolina pra você acelerar. Junto desta boia há uma agulha ou estilete ( não confunda com a agulha do pistonete que vou explicar mais além). Esta agulha da boia só serve pra fechar e abrir o fluxo de combustível, é um abre/fecha da mangueira que vem do tanque ou da sua bomba de combustível. ( portanto se sua moto ou carro tiver babando, vazando gasolina com ele parado e desligado… ) fato que seu problema esta na boia, no estilete ou nos dois ( salvo se algum reparo/junta estiver também danificada).

boia-carburador-gsx-r1100-89-94-original-mikuni-nova-311601-MLB20348860254_072015-O

ali na ponta da bóia você encontra o estilete ou agulha que veda o fluxo que eu citei acima

pro145

Além da boia, temos o pistonete, o parafuso de mistura, parafuso da lenta e os giclês, principal e de lenta/baixa.

CLARO que existem muito mais peças mas o objetivo deste post não é detalhar tudo nem te fazer virar um ninja dos Mikuni, é pra vc aprender o básico e não deixar o tiozão que se diz mecânico, ou aquele piazão que nem barba na cara tem te passar pra trás como provavelmente você já deve ter sido ( bom eu já fui hahha )

pistonete-bs26-1

o que a seta está apontando ali é o pistonete, ele é responsável por subir e descer por dentro desta “comporta” que faz o fluxo de ar passar do seu filtro de ar para dentro do motor ( e depois vai pro escape claro ) é ali que ta o grande X da regulagem que não seja a alta nem a baixa da sua moto ( farei um post só disso depois )

F35

Os giclês estão ali, e nada mais são do que “parafusos” com um furo no meio que vão levar a gasolina pra dentro do seu motor,.. quanto maior o furo mais gasolina vai pra dentro,.. precisa-se de um pra lenta e um pra alta porquê claro, óbvio, precisamos de menos gasolina na lenta, e muito mais na alta.

Note que o giclê principal no meio dele vai o pistonete,.. tchan tchan ta ai a sacada, quando o pistonete está inteiro aberto ele é só um furo igual o da baixa,… massss temos o meio do processo quando o pistonete ta ali fecha não fecha,.. meio fechado ou meio aberto haha por isso ele é tão importante…. e mais complexo que os dois, principal (alta quando todo aberto, e lenta).

Conjunto Filtro X Coletor X Escapamento X Carburação

Infeliz do céu!!!!! PRESTA ATENÇÃO no que o tio Doug aqui vai te contar… puxa um banquinho ai e senta e fique atento…

Se a sua moto é carburada, pelo amor de Deus, não sai tirando a sua caixa de ar da motoca, ou colocando um filtro esportivo sem mexer nos giclês não ta!? Até um escape aberto a gente perdoa,… mas não vai me arrancar o filtro ou a caixa de filtro e por um escape aberto numa moto carburada…. sem mexer em nada no carburador…. sua moto vai rodar com a mistura mais pobre que eu final do mês quando eu volto de férias.

Existe um ciclo de ar para que um carburador trabalhe corretamente, ele começa desde a entrada na sua caixa de ar, passando pelo filtro que passa pelo coletor, que manda pelo carburador para dentro… que depois tem as válvulas do cabeçote que vão abrir pros gases serem expulsos pelo escape.. sacou ? não vai me mexer neste fluxo sem saber o que vc ta fazendo… lembre-se tem um japonês ( ou vários japoneses ) ninjas virgem aos 50 anos que calcularam  TUDOOOOO pro funcionamento perfeito e não é um filtro cônico bonitão no lugar da sua caixa de ar que vai fazer você virar o Valentino Rossi.

Você já pensou no motivo da caixa de ar da sua CB400 CB450 ate cg ser tão grande? porquê raios iriam gastar com aquela peça injetada, molde, o snorkel da entrada de ar de borrachinha bonitinha, sendo que poderiam colocar só um filtro cônico lindo xing-ling ?

Aquela caixa tá ali pra interferir e mensurar a proporção de ar que vai entrar pro carburador,.. ate a velocidade que ele vai entrar… o negocio é complexo e tem muito engenheiro formado que não conseguiria te provar matematicamente como chegaram naqueles valores.. então te digo.. se quiser tirar tire… mas faça o minimo certo possível, pelo desempenho do seu motor, e pra melhor ainda,… pra vida útil dele.

 

O que realmente interessa.. regular o carburador… afinação x originalidade.

 

Bom chegamos ao que interessa, era esta parte que era o assunto principal que queria discutir e deixar claro no post.

Giclês, bom são estes caras que vão nos dar a quantidade de combustível que vai entrar pra dentro do motor junto com o ar, logo (parece obvio, mas muita gente não sabia), a proporção de ar que entra pelo seu filtro, a temperatura dele, a pressão (relacionada a altitude que você está) influencia…

Agora me responde, se tudo isso influencia como????????? a mesma moto é vendida as vezes com os mesmos giclês originais no mundo todo!???? e como???? ela vai funcionar perfeitamente com o teu filtro zoado da china ou do PY, US sei la que diabo você colocou ali, com aquela ponteira aberta que a sua avó odeia!??? Sem chances meu amigo,.. normalmente tua moto anda com mistura pobre, o que sobreaquece seu motor, e acaba com a vida útil dele, além de não te dar a performance que você talvez jamais esperava da sua moto ou carro.

E digo maisssss agora você vai cair da cadeira, e vai ter que concordar comigo… se a sua moto é carburada ela é antiga certo ? (antiga odeio quando chamam de velhas)

Se ela foi fabricada antes de 1990 ou antes de 2015 ( provavelmente pois não são mais vendidas motos carburadas ) a quantidade de álcool na gasolina era de 5% em 1990 passou para 22%, depois pra 25% e agora ta em 27% !! ( ai com a margem de erro do IBGE+Insituto data folha + as faltruas dos postos chuta ai 30% a 35% por baixo)

Ai você vai lá todo paquitão da xuxa, se achando o espertão compra um conjunto de reparos pro seu carburador Original, veio la do Japão,.. eeeee que beleza! Teus gigclês vieram pro ano da sua moto se ela rodasse lá no japão,.. você acha que a japarada produz cana pra misturar 27% na gasolina também? kkkk claro que não né campeão…

Você acha que aquela moto sua que foi “tropicalizada” na década de 1990 contava com a mistura de mais de 30% da tua gasolina batizada!?

Ai acontece o que eu te citei acima,.. você leva lá num mecânico bão amigo de um amigo do meu tio, que fala pra você que regula o carburador ó filé!!!! sabe o que ele fez????

Mexeu no parafuso da mistura,.. que praticamente só serve pro circuito da lenta ( ou abriu a propria lenta que so força a borboleta um pouco aberta), ou seja não fez PORRA NENHUMA no teu carburador, ele só parou de afogar quando você parava no semáforo e você tá ai mais feliz que gordo de pijama novo! hahaha

Meu amigos depois de todas as informações que eu passei acima,… pode isso Arnaldo? Sua moto vai tá xuxu beleza? Vai bosta,… pode ate estar econômica mas está uma carroça e andando com mistura pobre, o que vai fazer o seu lindo motorzinho não chegar nem aos 100mil km rodados…( lembre-se a sua senhora já não tem tantas peças no mercado. você não vai querer que isso aconteça).

O que eu recomendo? giclês!!! esqueça os originais! a sintonia fina do pistonete deixo pra explicar depois ( até depois de eu mesmo conseguir arrumar o da minha), mas esquece a configuração original do seu carburador, isso ta matando sua moto.

Um exemplo o main Jet da DR é 140, so que isto é pra motos de 96 até 2002,.. a gasolina agora é 27%.

Se o álcool consome em média 46% mais do que na gasolina (o pessoal faz as contas com 30%, multiplica por 0,7, mas se esquece que a gasolina neste cálculo também tem 30% de álcool sacou a M? )

Então faremos com dados empíricos (reais)

Se um carro flex faz 10kml/gasolina ele faria aprox 6,3 km/l Álcool

 

sendo assim chutamos no min 40% da área do giclê está errada certo?

Então vamos aumentar estes 40% para compensar.

Lembra-se das aulas de cálculo de área do circulo?

Area Ciruclo = Pi x R x R (ou Pi x r^2 )

140 = 3,1416 x r^2

 

r^2 =140 / 3,1416

r= 6,67

Agora com os 40% a mais:

196 = 3,1416 x r^2

r = 7,89

Se o raio é de 7,89 qual seria o giclê pra ele?

6,67 – 140

7,89 – x

6,67x = 140 x 7,89

x= 1.105,8/6,67

x = 165,7 seria o valor do meu giclê com os 40% a mais ..

 

Resumindo

( 3,1416 x r^2 + 40% ) vai dar ai 165 ( chute inicial ), isso estamos levando em conta SOMENTE o  ÁLCOOL, existem os fatores da famosa C.N.T.P ( condições normais de temperatura e pressão ) que não se aplicam neste caso, pois estaremos rodando com este carburador em ambientes dos mais variáveis possíveis.

Ai já que você vai fazer o serviço bem feito, quer mexer no filtro e no escapamento, beleza irmão,.. a hora é agora substitua o que tiver que trocar…e mãos a massa, abra seu carburador, retire teus giclês originais, substitua-os por medidas maiores e vá testando,.. rode 10, 15 dias,.. e retire a/as vela/as

a cor mais próxima da cor de telha de casa é o que vai te deixar feliz e sua moto feliz.

Spark+Plug+Reading

Se você conseguir fazer sua moto cortar o giro em alta ( na 5 ou 6 marcha ), e a sua vela tiver cor de telha no final de uma longa viagem assim, parabéns você afinou sua moto ( pelo menos na alta), o da baixa sugiro deixar o original ou um pouco maior, não precisa ser na proporção dos 40% já que o da lenta você vai usar somente em baixíssimas RPMs… a bucha é regular as médias acelerações, ai vai ser outro post, assim que eu também souber mais do assunto rs

Mas ai você pode me falar, porra Douglas você tá por fora hoje existem aparelhos na mecânica  la do meu tio que dizem em real time se a mistura ta rica ou ta pobre… bom meu amigo eu te digo uma coisa provavelmente a oficina pagou 500, 600 reais em um aparelho que pega um sonda lambda de carro e mostra o valor dele em um visor lindo colorido ou em um bar meter de vermelho a verde… vou te dizer? grande M rs.. por R$20ão eu faço um pra você ou você pode ligar só o sonda-lambda num multímetro e ler a variação de tensão dele.. só que é assim,.. com a moto em alta,.. com escape trocado, filtro trocado,.. regular so dentro da oficinal não adianta,.. só mesmo se for algo caprichado no dinamômetro, mas mesmo assim o cara vai ter que perder um dia ou mais porquê vai ter que ficar abrindo e trocando os giclês….e vai te cobrar uma graninha por isso,.. então vai comigo que você passa de ano!

Como diria um amigo,..

Anda comigo que o boi não te lambe!

 

Parece óbvio  tudo que eu falei pra você? O.k este post não era pra você então você talvez saiba mais do que eu no assunto desculpe fazer você perder seu tempo aqui rs,

Faltou alguma informação pra você? me pergunte nos campos que se eu puder ajudarei com maior prazer.

É nóis!

 

Bora rodar! (Agora não mais com mistura pobre, e motor frio hahaha)

 

  • Uma dica do amigo Toty do Rio Grande do sul,.. em sua viagem para o Atacama, nas cordilheiras a moto começou a fumar, perder potência, sinônimos de falta de oxigênio na combustão (mistura rica), a solução que ele encontrou foi abrir a tampa da caixa de ar da DR Pré ( creio que na pós também exista ). Ele disse que depois disso a moto ficou perfeita,.. e conseguiu fazer a travessia sem problemas. (04/08/2016)

Let the Game Begin – Parte02

45944228haha foi essa cena que me veio a mente depois de conversar com o mecânico…

Live or Die, make your choice!

Meu caneco! eu tô mais é pra morrer mesmo e decretar falência,.. como sempre algumas surpresas sempre acontecem né,.. o motor foi aberto e como já era esperado ( mas não com estes valores) vou precisar comprar mais algumas coisas.

343f841f-d04c-4642-83a5-f029663efc34

6a8d133d-afaa-453f-befa-9d0f03a9a36b

db7f4d7c-799d-4482-962e-dfe8a087c662

d52d1be4-0225-4c01-930d-c5b5e5b2211a

cd1ee1bb-6022-401e-881a-2e6659bb720d

571830e6-35cf-48d2-b759-c4923d4362c2

35819c95-fade-4e86-8f48-bc7953dfaf4d

899dcf9a-44ab-4826-b829-ec475cc6a469

8c78edab-f9ae-4c79-a8f1-3dfd4965da32

O Motor num estado Geral, por ser a primeira vez que foi aberto,(tem seguramente mais de 150mil km rodados), estava bom, na verdade a questão é que ele poderia estar beeem pior… o meu maior medo era os comandos, o estado que eles estariam e se iria dar pra fazer retifica neles,.. o legal foi que nem vou precisar mexer nisso… massa “economizei” no min uns 300ão por baixo.

O pistão estava inteiro riscado,.. riscos na parte superior, nas laterais, e ate nas diagonais, acho que alguém rodou sem filtro um offroad com ela… como um amigo disse a camisa parecia uma camisa de bolinhas ou um pijama daqueles cheio de detalhes de tanto risco haha, o bom é que o pistão é 1mm over, então vai ficar zerada 😉

Bom vamos a descrição dos itens que eu descobri hoje que vou ter que comprar e dos custos e peças que vão para a retifica.

Guia e Tensor da Corrente de Comando:

GUIDE, CAM CHAIN 12771-37400 R$130,00
TENSIONER, CAM CHAIN 12811-37401 R$200,00
Valve Steam Oil 09289-07002 R$100,00

Retificas:

Retífica do Virabrequim R$150,00
Retífica do Cilindro R$120,00
Assentamento do Cabeçote R$120,00

Rolamentos:

1x 6307 (6307 C3) – Virabrequim
1x 6209 (6209-C3) – Virabrequim
2x 6204 CNormal Contrapeso P4 ou P5
2x 6004 CNormal Contrapeso P4 ou P5

Rolamentos Rodas

2x 6303 DDU
1x 6305 DDU
2x 6202 DDU

Bom, agora depois deste valor, é fato que a moto vai ficar ai um mais um mês ou dois esperando eu arrumar todas as peças.

Estas originais da Suzuki vou pedir de fora, sem chances pedir aqui na Concessionária. só ai são no minimo 45 dias para chegar.

As peças que vão pra retifica e os rolamentos vou tentar chavecar pra parcelar em suaves no cartão,.. mas vamos ver o quanto vou poder encaixar .. sem pressa a trip é só ano que vem!

Agora que abriu tem que fazer,.. alguém quer comprar alguma bicicleta? guitarra? violão? um RIM ? kkk ta foda…

 

Painel Digital da Honda XRE 300 na DR650RE 1995

Boa noite senhores, pra quem sem querer está perdido por aqui.. vou postar como adaptar o painel da XRe300 no nosso véio tanque de guerra.

Você vai precisar de:

  • Estilete
  • Fita Isolante
  • Alicate de corte
  • Micro Retifica ou uma Serra / Morsa
  • Um painel de Xre300 ( claro kkk )
  • O sensor de velocidade da Xre300
  • o Chicotinho do painel, com o plug e os cabos.
  • Dois Parafusos pequenos de 5mm – 8mm e porcas com rosca travante
  • Duas chapinhas de metal com aprox 5cm x 1cm
  • Ferro de solda
  • Estanho
  • Um pouco de paciência ( Um pouco eu tive que ter mais haha )

Bom vamos lá algumas considerações importantes que me levaram a fazer a adaptação desta maneira, e por este painel.

1 – O Painel da Xre300 possui conta-giros digital e a DR650 Pré tem o cabo que sai do CDI original. ( A DR650SE pós 96 não tenho certeza como funciona o conta-giros).

Pra quem ta lendo este post pra adaptar em outras motos tenham em mente o seguinte, exites duas formas ( ou mais.. na verdade depende da cabeça do eng que desenvolveu seu painel ) de se medir a velocidade digitalmente,… podemos dizer que exista a forma analógica e digital ( analógica é analógica mesmo, não confunda com mecânica onde vem aquele cabão igual os de desentupir pia e vaso sanitário girando bem louco comendo tudo que tem pela frente ( uma vez um fez um furo no painel da minha titan, aquela porra vira uma broca kkk ))

O sinal analógico funciona assim,.. você tem uma diferença de tensão entre dois valores… e esta diferença tem uma logica pra representar a sua velocidade, ou seja na pratica normalmente você vai ter 3 fios… um com a tensão máxima de referencia (geralmente 12V) um com o seu terra (negativo 0v), e um que vai variar algo em torno de 0v – 12v bingo essa é a sua velocidade.

Temos os velocímetros que são “digitais puros”, na verdade na verdade são contadores de pulso, aqueles geralmente com imã, o ima só fica mandando 0 ou 1, e você conta só os 1 (5v ou 12V) e de acordo com o tempo entre estes 1 você calcula a sua velocidade. ( sim!! é assim que aquele velocímetro de 10ão da tua bicicleta conta com o imã)

2 – Ele ja vem programado pra trabalhar com a distancia da roda no padrão do aro 21, ( sim teoricamente a altura do pneu influencia no cálculo, mas como geralmente qualquer painel te dá no min uma diferença proposital de 5% este erro é desprezado)

3 – O custo dele usado é barato,  já que existem ate paralelos e um monte disponível no mercado brasileiro ( não alimente o comércio de produtos de procedência duvidosa, a sua moto pode ser a próxima roubada pra que este mesmo painel seja trocado por umas miseras pedrinhas na boca. )

4 – Disponibilidade de peças pra manutenção também serão fáceis de se encontrar.

5 – Adaptação simples, pois tamanho é compativel com o do suporte do original.

6 – E você se livra daquele Caracol/Revil e painel de museu da original, onde o  reviel quebra e você não te onde encontrar um novo,.. e o cabo se partir você também tem que adaptar (o do fusca serve mais da um certo trampo pra deixar na medida). ( se você optar por usar o da tornado,.. ele é digital só do review pra cima, ou seja você ainda vai ficar com um dos problemas.. pra mim o pior,.. o caracol e o cabo,.. e pior ele não marca RPM.

Bom acho que é isso… se você tem uma DR,.. se ela é DR RE,… nem pense,.. o pai aqui já pensou por você…. vem comigo que o boi não te lambe… e você passa de ano! kkkk

Mãos a Obra!

1 – Pegue aquele painelzinho que ja deve ta surrado e todo F… com idade de no min 20 anos…. e jogue fora! hahha zueira espera mais uns passos pra fazer isso. ( Você pode vender no Olx ou ML sempre tem um doido que compra… quando eu olhei tinha uns caras que queriam R$450 reais em um pior que o meu kkk serio isso? Parece pegadinha do Sergio Malandro kkk ). Corte o Chicote dele bem prox ao painel para que sobre ai no in uns 4 dedos dos fios.

13262167_10154273303749828_1433895089_o

 

2 – Desmonte atrás dele o suporte que é original,. feito isso você vai ver que ele tem o formato de um W… porém o meio do V teremos que retirar, pois é ali que sai o chicote do painel da DR. com a serra e o suporte na morsa, ou com uma micro retifica, retire a perna do meio do suporte como na foto abaixo:

13230798_10154273303929828_1346055425_o

3 – Ai começa o processo de fixação do painel da XRE no suporte original da sua DR.

13242183_10154273303779828_632574742_o

Viu o motivo de termos cortado o suporte do meio? ele ia atrapalhar tudo o meio de campo hehe, com as próprias borrachas originais por baixo ( para que o painel não vibre) você mede as distancias das chapinhas pra adaptar a furação do painel na furação original.

Note que tem um parafuso que vai ficar exatamente em cima do suporte… é ali que vamos fazer um furo com uma broca de 5mm ou 6mm aquele vai ser o único parafuso direto no suporte, os outros dois vão ser fixados pelas “chapinhas”

13241640_10154273303849828_1215623587_o

Eu marquei com um lápis onde furar…. feito o furo.. de boa é só parafusar tudo

13271739_10154273378614828_5892479_o

4 – Feito seu painel já vai estar fixado, pronto pra ser ligado.. mas ainda temos a configuração da parte elétrica no chicote original. ( Eu ainda vou pintar o meu suporte e a minha mesa de preto, e vou colocar leds vermelhos no painel, para combinar com o meu voltímetro e amperímetro digital que vou por na mesa também (farei outro post) mas isso você acha no google e no youtube não vou postar aqui não).

13225172_10154273378689828_640170265_o

13231032_10154273303819828_354125182_n

5 – Deixe seu painel de lado, agora você não vai mais ter que fazer nada nele.. vamos a parte elétrica. Corte também o chicote da Xre300 e descasque as pontas dos fios. Você vai ter uma aranha e um embaralhado de fios deste tipo hahah

13241546_10154273393089828_2070473825_o

Confesso que o meu pra um Eng. tá uma porqueira só… mas eu juro que não foi culpa minha meu chicote original ja estava inteiro remendado e o Xre veio cortado alguns fios no talo,… pensei em deixar todos do meus tamanho mas tem uns que ficariam muito pequenos.

6 – Hora de Ligar os Fios, segue abaixo o esquema elétrico do manual da XRE300 e a legenda das cores.

13233388_10154273417874828_666182187_n

13220099_10154273417854828_383374530_n

Já deu pra perceber o que vai ser feito né? Só ligar cada um nos seus respectivos correspondentes.

DR650'95-96OTH

7 – É necessária a adaptação da “troca dos caracois” do eixo, porém isso eu não tenho fotos ainda e não sei o que vai ser necessário fazer… assim que eu souber atualizo este post explicando e com fotos….

Alguma dúvida gritem no comentário… mais mastigado que isso impossível haha

Depois posto foto do meu na moto!